MDM: A solução que evita ataques nos dispositivos corporativos

09 de setembro de 2021

Você já ouviu falar em MDM? Trata-se de uma sigla para Mobile Device Management, ou em tradução livre, gerenciamento de dispositivos móveis.

Pessoas que trabalham com dados coletados, tratados e armazenados em máquinas e dispositivos requerem soluções altamente eficazes para garantirem a segurança desses dados.

Caso contrário, pode resultar em ataques e até mesmo vazamento dessas informações, prejudicando os clientes cujos dados foram obtidos e, claro, a própria empresa.

Ocorre que nem sempre os dispositivos e máquinas estão devidamente protegidos para enfrentar essas ameaças e, muitas vezes, uma simples conexão à rede de Wi-Fi pública pode ser a abertura para algum ataque sério no dispositivo.

Mas a boa notícia é que hoje em dia existem serviços muito eficientes na proteção preventiva de informações e arquivos coletados e armazenados em dispositivos, e o MDM é uma delas!

Ficou curioso sobre essa solução? Continue lendo e tire as suas dúvidas! Reunimos nos tópicos abaixo as principais informações que você precisa saber para entender como o Mobile Device Management irá aperfeiçoar a segurança da sua empresa!

 

Afinal, o que é MDM?

O MDM é o processo de gerenciamento de dispositivos móveis, principalmente em termos de uso e segurança.

Desse modo, esses dispositivos são gerenciados por meio de uma estratégia que rastreia informações essenciais sobre cada dispositivo, determina quais aplicativos podem ser instalados e protege remotamente os dispositivos móveis em caso de perda ou roubo.

O MDM também pode rastrear a localização do dispositivo móvel por usuário e localização geográfica – o que é especialmente útil em caso de perda ou furto do aparelho.

Em alguns ambientes corporativos, os dispositivos móveis substituíram inteiramente os computadores desktop tradicionais – uma mudança drástica possibilitada pela computação em nuvem.

Quando uma empresa opera tudo na nuvem, os funcionários podem acessar dados, aplicativos e a rede da empresa virtualmente em qualquer lugar onde haja uma conexão com a Internet.

Essa facilidade de uso é exatamente o motivo pelo qual o gerenciamento de dispositivos móveis é crucial!

 

MDM e Segurança – Entenda a relação

Uma política rígida de gerenciamento de dispositivos móveis é a melhor linha de defesa contra ameaças externas e internas. Um dos fatos que justificam essa afirmação é o fato de o MDM proteger as empresas adeptas às políticas de BYOD

Isso porque muitos empregadores adotam uma política “Bring your own device” (ou seja: traga seu próprio dispositivo), que permite que os funcionários usem dispositivos pessoais no trabalho.

Desse modo, os funcionários BYOD também usam seus dispositivos enquanto trabalham em casa ou em cafés locais e outros lugares com Wi-Fi público.

Isso, no entanto, leva a um problema: usar Wi-Fi público é arriscado. Alguns criminosos examinam rotineiramente o tráfego da rede pública em busca de dados confidenciais.

O ataque cibernético mais comum por meio de Wi-Fi público ocorre quando alguém se conecta à rede de um hacker pensando que é a rede do estabelecimento.

Os hackers configuram rotineiramente redes iscas com um nome que imita a rede Wi-Fi oficial do estabelecimento. Quando alguém se conecta à rede isca, o criminoso pode ver todas as atividades de navegação na web e registrar as teclas digitadas para obter as credenciais de login.

É justamente neste cenário que o MDM atua com uma solução estrategicamente preventiva: esse serviço pode evitar que os funcionários façam login em redes Wi-Fi públicas, exigindo uma VPN ou um ponto de acesso Wi-Fi privado.

 

MDM e a LGPD

A LGPD (Lei Geral da Proteção de Dados) está em vigor no território brasileiro desde 2020 e estabelece as diretrizes a respeito da coleta, tratamento e armazenamento dos dados.

Como indicado pela lei, aplica-se a pessoas naturais:

“… Art. 5 Para os fins desta Lei, considera-se:

I – dado pessoal: informação relacionada a pessoa natural identificada ou identificável; …”

No que tange ao tratamento dos dados, a LGPD rege que:

“… Art. 7 O tratamento de dados pessoais somente poderá ser realizado nas seguintes hipóteses:

Art. 7 – I – mediante o fornecimento de consentimento pelo titular;

(…)

Art. 7 – § 5º O controlador que obteve o consentimento referido no inciso I do caput deste artigo que necessitar comunicar ou compartilhar dados pessoais com outros controladores deverá obter consentimento específico do titular para esse fim, ressalvadas as hipóteses de dispensa do consentimento previstas nesta Lei.”

Diante disso, o MDM tem como função central centralizar a gestão de dados, além de proporcionar controle sobre os sistemas que se integram e utilizam esses dados.

 

Implantação simplificada

O gerenciamento de dispositivos móveis gera um plano centralizado para gerir vários tipos de dispositivos com diversos sistemas operacionais, como iOS, Windows, Android, tvOS, Chrome OS e macOS. O gerenciamento centralizado facilita a implantação de soluções de MDM na nuvem.

Embora algumas tarefas exijam trabalho manual, o MDM é amplamente suportado pelo uso de software cliente-servidor que aproveita os serviços de notificação do dispositivo para fazer contato.

 

Como funciona o software de gerenciamento de dispositivos móveis?

Todos os dispositivos móveis conectados ao servidor MDM atuam como clientes.

O servidor MDM envia configurações, aplicativos e políticas remotamente para cada dispositivo conectado. Os administradores de TI gerenciam remotamente todos os terminais por meio do servidor MDM.

Sendo assim, os terminais podem incluir laptops, tablets, iPods e smartphones.

 

Quais são as vantagens de usar soluções de MDM?

Os benefícios de usar soluções de MDM são inúmeros!

Mas, certamente, uma das maiores vantagens é economizar tempo por meio da automação de tarefas repetitivas.

Por exemplo, definir manualmente as configurações de Wi-Fi em 100 dispositivos e pedir aos funcionários para instalar aplicativos específicos são tarefas complicadas e que retardam a execução de outras tarefas por parte dos colaboradores.

No entanto, essas tarefas podem ser totalmente automatizadas por meio de soluções de MDM.

Outras vantagens incluem:

Maior produtividade e eficiência, mesmo em dispositivos pessoais

Quando um dispositivo móvel pessoal é controlado pelo servidor MDM, aplicativos não essenciais podem ser impedidos de serem usados ​​durante o horário de trabalho.

Dessa forma, isso impedirá que os funcionários acessem às redes sociais e outros aplicativos enquanto estiverem trabalhando.

Quando os funcionários não se distraem com notificações de rede social e outros avisos em aplicativos, eles permanecerão mais produtivos.

Cumprimento legal

Certos regulamentos, como a LGPD, exigem medidas rígidas de proteção de dados.

As soluções MDM podem automatizar essa proteção em todos os dispositivos conectados ao servidor MDM.

Isso torna a rotina de trabalho da empresa mais eficiente e segura.

Evitando o ataque externo, os dados coletados, armazenados e tratados permanecem em segurança e sua empresa se mantém afastada de problemas legais e de escândalos.

Gerenciamento remoto

Os dispositivos conectados ao servidor MDM podem ser atualizados, corrigidos e gerenciados remotamente sem interromper a experiência do usuário.

O gerenciamento de dispositivos móveis é essencial para todas as empresas que se pretendem produtivas e competitivas.

Graças ao número crescente de ameaças sofisticadas à segurança cibernética, o gerenciamento de dispositivos móveis não é mais opcional. MDM é a chave para uma força de trabalho móvel segura, eficiente e produtiva.

Quer saber mais a respeito do MDM e entender como o Mobile Device Management pode garantir a segurança dos dispositivos da sua empresa? Entre em contato e tire suas dúvidas sobre o serviço e como ele pode ser incorporado à rotina da sua empresa!